8 Pensamentos
  1. Eu realmente acho muito positiva essa maior divulgação que o Espiritismo está tendo atualmente através da mídia.
    Como disse Emmanuel pelo Chico Xavier: "A maior caridade que podemos fazer para a Doutrina Espírita é a sua divulgação."

    Mas devo confessar algo: eu sinceramente sinto falta daquelas pessoas que eram espíritas de verdade e não por uma moda.
    Eu conheci pessoas que ao travar conhecimento com o Espiritismo eram tomadas por um entusiasmo imenso, como se aquilo fosse o que elas sempre procuraram durante toda a vida e que finalmente haviam encontrado.
    Havia um fogo interno, uma sede por estudos, por conhecimento.

    E hoje em dia há um grupo de espíritas "convertidos"por filmes e novelas, e que, como você mesmo disse, não sabem a responsabilidade que têm e muito menos a profundidade que o Espiritismo possui.

    Antigamente quando uma pessoa que não tinha religião e era perguntada sobre isso, dizia: "Sou católica."
    Hoje em dia a resposta mudou: "Sou espírita."

    A divulgação é positiva, sem dúvidas, não sou contra ela.
    Muitas pessoas, ao verem essas novelas, procuram estudar e saber mais.
    Mas o problema é os leigos verem as novelas e acharem que aquilo é Espiritismo.
    A pessoa morre e fica em cima de uma nuvem conversando... uma abordagem bem pueril da coisa e que não corresponde à realidade.

    Outro ponto a ser abordado: essas novelas da Globo NÃO são espíritas.
    Elas possuem conceitos de reencarnação, vida após a morte e mediunidade, mas não são espíritas.
    Pois os conceitos de reencarnação, vida após a morte e mediunidade não são propriedades do Espiritismo e nem nasceram com ele.
    O Espiritismo nasceu no dia 18 de abril de 1857 com o lançamento em Paris do Livro dos Espíritos.
    A reencarnação, vida após a morte e mediunidade são conceitos que existem desde as mais recuadas civilizações e culturas. Existem desde priscas eras.
    O Espiritismo apenas os pegou e deu um sentido ético e moral, de acordo com o nosso atual estágio evolutivo.

    E sobre sua fé em Deus ser além de qualquer religião, tem uma frase de Carl Gustav Jung sobre isso que eu gosto muito: "Tudo o que aprendi levou-me, passo a passo, a uma inabalável convicção sobre a existência de Deus. Eu só acredito naquilo que sei. E isso elimina a crença. Portanto, não baseio a Sua existência na crença: eu sei que Ele existe."

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  2. Pois é.
    O maior exemplo que o espírita deve dar é a conduta pautada nos ensinamentos de nosso Mestre Jesus. Realmente podemos notar que ser espírita virou "modinha" e que a grande maioria sequer busca vencer suas más tendências, que, inclusive, é como se reconhece o verdadeiro espírita.

    Tenho inúmeros exemplos de amigos e amigas que assumem o Espiritismo como crença mas continuam maledicentes, não perdem a oportunidade de julgar outrem, ou estão com a boca cheia de palavrões, etc.

    Tudo bem que não sou perfeito e não posso julgá-los, mas se realmente adotaram a crença espírita como direcionamento na Vida que, pelo menos, tentem mudar seus conceitos e hábitos mundanos...

    Do contrário, podemos prever o que acontecerá com o Movimento Espírita, pois o mesmo aconteceu com o Catolicismo. Dantes, quando perseguidos, os cristãos eram unidos, amáveis, responsáveis e caridosos. Após a popularização, a Igreja cometeu diversos desatinos que marcaram a história.

    Espero que a popularização espírita não cultive os quadros que presenciamos diariamente, com doutrinadores espíritas celebrando casamentos de "espíritas", com programas de rádio de extremo mau gosto, recheados de ironia e sarcasmo, livros supostamente recebidos mediunicamente, com teorias e fatos absurdos no mundo espiritual, contradizendo sutilmente a codificação para minar suas bases, além da extrema falta de caridade no trato com os mais necessitados.

    Não queria dar uma visão pessimista do Movimento, mas infelizmente é a realidade que vislumbro, com suas excelentíssimas exceções, óbvio. Que, nós, portanto, possamos ser essas exceções, levando a verdadeira mensagem espírita para aqueles que a buscam, desinteressados dos valores materiais.

    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. E por que essa imagem no do triangulo que parece "o olho que tudo ve" o olho de lucifer, isso quer dizer que os espiritas sao demonios disfarcados?

    ResponderExcluir
  4. Quanta maluquice né? Imaginação fétil até demais, isso é um triangulo que forma as bases do espiritismo no mundo! SE vc não percebeu isso é o planeta TERRA e não um olho!

    ResponderExcluir
  5. jbdasilvaso@yahoo.com.br25 de novembro de 2011 16:23

    E´; é muito importante, ver pessoas refletir sobre a vida. Chegaremos à um tempo, não muito distante em que a humanidade se despertara para o sentido do que é na concepção mais ampla,"justiça",sob a ótica do espirito.E então,quando acordar para isto, ver que a diferença entre um ser e outro esta fundamentalmente embasado na bagagem de experiencia adquirida; Então teremos neste ponto encontrado o verdadeiro sentido da humildade. Destino de todos nós. tiau. jb. ate um dia...

    ResponderExcluir
  6. Muito gostaria de ser espirita,preciso de paz interior e estou buscando, a visão dos espiritas me fascina e me encanta!! beijos

    ResponderExcluir
  7. O espiritismo e a verdade que ilumina o mundo.Da escuridao do ego humano.Porque quando alimentamos o espito com preces e oraçoes,estamos na luz.Mas quando alimentamos a carne com praseres terrenos estamos na escuridao.MAXCABELERA

    ResponderExcluir
  8. Como trazer. Umha pessoa amda. Di. Volta

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e antes de tudo sejam bem vindos! *-*
Sintam-se a vontade para deixar opiniões, críticas...
Afinal esse Blog é para vocês;
- Seu comentário é muito importante, só assim saberei no que melhorar.
Beijos para todos ;*